Ação integra o projeto Portas Abertas da Mirante

O trabalho desenvolvido pela Mirante continua servindo de referência e de material de estudo para autoridades interessadas no setor de saneamento. Na tarde da última quinta-feira, 27, uma comitiva de Itapetininga visitou a Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Bela Vista, em Piracicaba. O intuito foi a obtenção de informações sobre os processos técnicos utilizados na unidade, que tem capacidade de atendimento de 165 mil habitantes.

A recepção foi feita pela equipe técnica de Operações e pelo time de Responsabilidade Social da Mirante. “Com muito trabalho, dedicação e compromisso com a população, nos tornamos referência no tratamento de esgoto sanitário em Piracicaba e queremos que esses benefícios se estendam para outros municípios, por isso, ficamos sempre muito orgulhosos e felizes em receber grupos interessados em replicar nosso case de sucesso”, afirmou o diretor presidente da concessionária, Jacy Prado.

“A infraestrutura e os recursos tecnológicos aplicados em nossas unidades despertam o interesse dos mais variados públicos e nós sempre os recepcionamos da melhor forma possível. Nesse momento de pandemia, estamos realizando agendamento, oferecendo máscaras e álcool em gel e orientando sobre o distanciamento. Nosso programa ‘Portas Abertas’ está seguindo os devidos cuidados e as orientações e protocolos de biossegurança”, contou a analista de Responsabilidade Social, Cynthia da Rocha.

Informações técnicas ETE Bela Vista

Com vazão média de esgoto de 230 litros por segundo, a ETE Bela Vista opera exclusivamente pelo sistema aeróbio, sem produção do gás sulfídrico (H2S), mesmo conceito utilizado na ETE Ponte do Caixão. Sua estrutura compreende tanques de aeração, decantadores secundários, prédio de desidratação de lodo, tanque de contato para desinfecção do efluente, prédio administrativo, laboratório para análise físico-química e biológica, casa de sopradores, sala de geradores, oficina e vestiário.

Share Button