Com o objetivo de ampliar o acesso aos benefícios provenientes do tratamento de esgoto, a concessionária Mirante – PPP responsável pelo sistema de esgotamento sanitário de Piracicaba, por meio da Parceria Público-Privada com a Prefeitura por meio do Semae – , inicia nesta segunda-feira, (20), uma obra de implantação de rede coletora de esgoto que vai promover benefícios direto a aproximadamente 40 residências localizadas no bairro Campestre, com previsão de conclusão para 5 de fevereiro.

Para a execução do projeto, será necessária a interdição parcial da Av. Laranjal Paulista, com acompanhamento do Semuttran e fiscalização do Semae.
O projeto consiste na implantação de 1.500 metros de rede coletora de esgoto, com profundidade média de 2 metros e tubulação de diâmetro nominal de 150 milímetros. Esse trabalho visa fortalecer ainda mais o cenário do saneamento do município, ampliando o acesso ao serviço de esgotamento sanitário desta região, destinando o efluente coletado a Estação de Tratamento de Esgoto Ponte do Caixão, para que receba o tratamento adequado e deixe de ser lançado “in natura”.

Além dos benefícios imediatos, a concessionária destaca ainda a importância da obra a longo prazo, pois a coleta e o tratamento do esgoto são pré-requisitos para garantir a disponibilidade da água em qualidade adequada para o uso humano e para as demandas ambientais.

Segundo o gerente de Operações, Valdir Alcarde Junior, a obra foi planejada para ser efetuada com gestão eficiente de tempo, com informações e orientações para a comunidade local. “O saneamento reconhece a dignidade humana, que ao receber água tratada e ter o esgoto sanitário coletado e tratado, faz com que toda família possa se constituir adequadamente e que toda criança tenha assegurado seu direito a um desenvolvimento integral, em condições dignas e de acesso a esses bens universais, esse é o principal propósito que buscamos com esse projeto”.

Share Button